Imagem noticias

Press-Release

Fique por dentro de tudo o que acontece no Grupo Opty:

Saúde Ocular 7 de outubro de 2019 - DayHORC

Plástica ocular tem sido cada vez mais procurada por pacientes que almejam melhorar autoestima e também tratar de algumas doenças que afetam o bem estar

Aparência cansada e sinais de envelhecimento são algumas das correções feitas pela oculoplástica

Bahia, outubro de 2019 Os olhos são a janela para o mundo, parafraseando o clichê, e acontece do mundo também olhar de volta,  podendo desvendar a idade dos donos desses olhos. Isso porque é justamente nessa região que começam a aparecer os primeiros sinais do envelhecimento. E, para driblar os efeitos naturais do tempo, muitas pessoas estão buscando por procedimentos estéticos minimamente invasivos, que restaurem características joviais e melhorem a autoestima: as chamadas Plásticas Oculares ou Oculoplástica.

A procura é grande em todo o território nacional. Segundo o último censo da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), realizado em 2016, a busca por esses procedimentos não cirúrgicos aumentou 390%. Entre os tratamentos mais demandados estão preenchimento, toxina botulínica, peeling, laser e suspensão com fios. Para o médico oftalmologista do DayHORC de Eunápolis, empresa do Grupo Opty, Frederico Murta, os jovens e o público com idade acima de 40 anos são os que mais recorrem à plástica ocular.

Isto porque os tecidos que ficam próximos da região dos olhos são extremamente finos e a constante movimentação ao piscar ou expressar emoções fazem com que as marcas temporais fiquem evidenciadas. “A intensidade disso vai depender de alguns fatores, como é o caso da genética, da idade e da não utilização de proteção contra a radiação solar”, esclarece.

Ainda de acordo com o especialista, os pacientes que se encaixam nessas características optam pela plástica ocular por ser uma alternativa menos invasiva para correções de pequenas imperfeições, a exemplo de sobrancelhas caídas, pálpebras abaixo da posição e inchaço ao redor dos olhos, e pela segurança do procedimento. “Além de melhorar a autoestima e possibilitar o rejuvenescimento, são procedimentos com baixo risco de complicações”, conclui Frederico Murta.

Sobre o DayHORC

Fundado em 1982, o DayHORC – Hospital de Olhos Ruy Cunha possui uma equipe composta por mais de 290 colaboradores e oferece inúmeros diferenciais à comunidade, observando os padrões mundiais de qualidade. São eles: equipamentos e tecnologias mais avançados do mercado, atendimento de excelência e o sistema DayHORC de Gestão, garantindo ainda conforto, serviços humanizados e atendimento personalizado aos seus pacientes. São duas unidades clínicas, em Salvador, e outras duas no interior do Estado, nos municípios de Itabuna e Eunápolis, com profissionais altamente qualificados e suporte diferenciado nas diversas subespecialidades, além de dispor de unidade de pronto-atendimento 24 horas, em Salvador.   Para seguir crescendo, desde 2017, o DayHORC se uniu ao maior conglomerado de oftalmologia da América Latina, o Grupo Opty. Para mais informações, visite www.dayhorc.com.br.

Sobre o Opty

O Grupo Opty nasceu em abril de 2016, a partir da união de médicos oftalmologistas apoiados pelo Pátria Investimentos, que deu origem a um negócio pioneiro no setor oftalmológico do Brasil. O grupo aplica um novo modelo de gestão associativa que permite ampliar o poder de negociação, o ganho em escala e o acesso às tecnologias de alto custo, preservando a prática da oftalmologia humanizada e oferecendo tratamentos e serviços de última geração em diferentes regiões do País. No formato, o médico mantém sua participação nas decisões estratégicas, mantendo o foco no exercício da medicina.

Atualmente, o Grupo Opty é o maior grupo de oftalmologia da América Latina, agregando 14 empresas oftalmológicas, 1500 colaboradores e mais de 450 médicos oftalmologistas. O Instituto de Olhos Freitas (BA), o DayHORC (BA), o Instituto de Olhos Villas (BA), a Oftalmoclin (BA), o Hospital Oftalmológico de Brasília (DF), o Hospital de Olhos INOB (DF), o Hospital de Olhos do Gama (DF), o Centro Oftalmológico Dr. Vis (DF), o Hospital de Olhos Santa Luzia (AL), o Hospital de Olhos Sadalla Amin Ghanem (SC), o Centro Oftalmológico Jaraguá do Sul (SC), a Clínica Visão (SC), o HCLOE (SP) e a Visclin Oftalmologia (SP) fazem parte dos associados, resultando em 30 unidades de atendimento. Visite www.opty.com.br.

 

Grupo Opty – Informações à imprensa

Conteúdo à la carte

Fabiane Giusti: fabianegiusti@conteudoalacarte.com.br || (11) 9 9747-6710

Roberta Spiandorim: robertaspiandorim@conteudoalacarte.com.br || (11) 9 9347-2330